Pilares para uma vida saudável

Transformar o corpo de dentro para fora. Este é o primeiro passo para se querer viver de forma saudável. Abdicar de vícios, de ingredientes físicos e espirituais que nos prejudiquem. Ter a coragem de cortar com o que não interessa, assim de forma abrupta tal e qual como se arranca de uma só vez, um penso rápido. Vai doer, prometo, mas compensa.

Temos de nos recordar continuamente que somos dotados de livre-arbítrio, temos poder de escolha. Vivemos a vida que queremos, sempre assente nas nossas escolhas e suas consequências. Para mim, mudar de vida, significou agarrar-me às boas escolhas, interpretar o que me rodeava para saber o que era necessário alterar. Dia após dia. E deixar-nos apaixonar por essas mudanças que vamos fazendo e sentindo. No entanto, sou da opinião que temos de ter pilares para dar inicio a uma nova jornada na nossa vida. Para viver neste status social de ser saudável, tive de interiorizar os meus pilares, que agora aqui partilho para vos orientar.

Prepara o caminho para o sucesso

Para conquistar um estilo de vida saudável o primeiro passo é abrir caminho ao nosso sucesso nesta mudança. Sugiro, em primeiro, uma limpeza a todos os alimentos que não sejam saudáveis: batatas fritas, bolachas, cereais e barras de cereais, sumos e refrigerantes, chocolates, doces, entre outros. Tudo fora do nosso alcance. Depois, há que substituir por verduras, legumes, frutas frescas, leguminosas, aveia, chia, só coisas boas. Mesmo.

Segue-se a introdução à atividade física. Obrigatória. Há que criar um espaço em casa para fazer exercício, investir em equipamento desportivo como halteres, caneleiras, bola medicinal, tapete. Aos poucos reunimos condições para querer fazer desporto. E se ainda assim faltar motivação, talvez estas dicas ajudem.

Ambos criam o cenário para querer ser saudável. Junto a isto a técnica da visualização, como encontrar fotografias de pessoas, objetos ou alimentos que representem aquilo que queremos ser ou atingir (tenho muitas no meu telemóvel).

Aprende a movimentar o teu corpo

É fundamental ter mobilidade. É mais do que praticar desporto. Precisamos de aprender a movimentar o corpo, dar-lhe a agilidade necessária para termos uma postura direita e vivermos sem dores nas articulações ou nos músculos. E que movimentos são esses? Saber usar o core (zona abdominal) para ajudar a manter a coluna direita; ganhar músculo nos glúteos para exercerem a sua função de forma correta, certificar que temos mobilidade suficiente na anca para desempenhar movimentos de forma natural e sempre sem dor. Quando sabemos usar a nossa máquina como suposto, praticamos atividades físicas com outra força de vontade.

Encontra a tua paixão desportiva

Paddle, ténis, surf, yoga, skate. Ao descobrir a nossa paixão por uma atividade física vamos ter muito mais motivação em querer fazê-la diariamente (ou pelo menos 3 vezes por semana). O que importa é gostar do que estamos a fazer, como tudo na vida. Quando gostamos verdadeiramente de algo, queremos sempre mais. É tão simples quanto isto.

Mede os teus resultados

Balança? Isso não é medir o nosso sucesso. O peso é irrelevante. Quando vivemos de forma saudável, tudo se resume à criação de hábitos, bons hábitos, e a vontade de os seguir sempre. É preciso, em primeiro, ganhar consciência do nosso momento presente – o que fazemos por nós próprios, que nutrientes dou ao meu corpo, descanso o suficiente? Depois é que passamos para a consciencialização do que queremos atingir. Eu faço isto de forma simples: um diário onde anoto todas as mudanças que fiz e faço, os treinos, os planos alimentares. Assim posso sempre medir o meu progresso e continuamente alterar os meus maus hábitos que tentam sobreviver.

Há quem tente saltar diretamente para a mudança e escapa a este processo de criar pilares, de ganhar consciência sobre o que se está a fazer e registar o progresso. Tudo isto tem-me ajudado a manter o foco, a ver valores para lá de excelentes nas análises médicas e de me apaixonar todos os dias por ter feito a escolha de ser e viver saudável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *