O que saber antes de começar a surfar…

Ninguém quer ser o inexperiente no mar. Aliás, acarretamos algum peso quando atravessamos o areal de prancha na mão, cabelos loiros torrados pelo sol, pele bronzeada, cheios de estilo, e depois, se alguém nos observar com atenção, estamos nas espumas a dar grande show de quedas. Não é isto que se quer.

No surf, como em qualquer outra coisa na vida, temos de começar por algum lado. Agora que já tive algumas lições partilho dicas que me teriam sido úteis antes de ter começado a surfar (e assim saber, na verdade, no que me estava a meter).

Domina o pop up

Mais do que qualquer outra manobra que possas vir aprender, levantar da prancha é fundamental para o teu surf evoluir, e bem. Treina sempre que possível, fora de água, o movimento do pop up. Faz exercícios de agilidade e força, foco nos braços, abdominais e pernas. Desenha uma cruz na areia, deita-te e pop up. Repete vezes sem conta. Vais ver que se torna mais rápida a tua progressão (não queiras ignorar essa parte na aula).

Rema, rema, rema

Não estamos habituados a usar os braços no movimento da remada. Confesso que ainda hoje me custa a remada, apesar de trabalhar o corpo nesse sentido. A quanto obriga a força do mar. Não quero com isto passar desmotivação, antes pelo contrário. Ter a noção que este movimento custa e que as ondas não esperam, seja para as apanhar seja para as passar, temos de saber remar.

Encontra a tua prancha

Quando começamos a surfar, a estabilidade é mesmo muito importante, daí as escolas usarem pranchas de espuma, estas têm bastante superfície e flutuabilidade. Escolher a prancha certa, de acordo com o nosso peso e altura, é fundamental para garantir que deslizamos na onda com a estabilidade que precisamos. Experimenta diferentes pranchas até perceberes qual o modelo que melhor se adapta ao teu nível de surf e corpo.

Entra no mar com companhia

Só depois de partir a cabeça é que percebi que entrar sozinha no mar não é opção. Sempre que puderes leva companhia. Caso não tenhas ninguém para entrar contigo está onde estão os outros surfistas. Não te deixes ficar sem companhia no mar.

Mantém-te fiel ao surf

Vais querer desistir. Ninguém me avisou da facilidade com que queremos desistir do surf, porque é difícil evoluir, os dias nunca são iguais, o mar muda constantemente e a nossa mente, trai. Por isso, o que devemos fazer para nos manter motivados é celebra sempre o facto de te tentado, de ter entrado no mar e pensar sempre que a próxima surfada vai ser melhor.